Institucional
PTEN
Search
Search Configurações

Nossa História

2022
2021
2020
2019
2018
2017
2016
2015
1994 a 2014

2022

Por meio da tecnologia e da inovação, nosso objetivo é continuar nos desafiando na missão de simplificar a vida das pessoas.

Nossa listagem na Nasdaq em junho de 2022 é um passo importante dessa jornada, pois nos permitirá mostrar ao mundo dos investimentos internacionais o que construímos e o impacto que produzimos na vida das pessoas.

Nosso Super App de classe mundial, nosso forte balanço patrimonial e, acima de tudo, nossa equipe de +4.000 sonhadores “sangue laranja” são os elementos-chave que farão o Inter ter sucesso nos anos seguintes.

2021

Superamos a marca de 16 milhões de usuários e ampliamos a oferta de produtos e serviços em nosso Super App, através de novas parcerias, lançamentos de novos produtos e M&As estratégicos.

Em fevereiro de 2021, adquirimos 60% da Meu Acerto, visando a acelerar a evolução de nosso modelo de “Winback”.

Em março, adquirimos 45% da Granito, como parte da estratégia de adquirir novas companhias focadas em tecnologia e com um perfil de crescimento rápido e inovação.

Em maio, aprovamos um acordo entre a Inter Seguros e a Sompo, visando à oferta de diferentes categorias de seguros através de nossa plataforma.

Em junho, realizamos nossa terceira oferta subsequente de ações (follow-on), captando R$ 5,5 bilhões.

Em agosto, anunciamos a proposta para aquisição da fintech americana Usend, como parte da estratégia de iniciar a expansão de nossos produtos e serviços financeiros e não financeiros para os Estados Unidos. A Usend é uma empresa com 16 anos de atuação no mercado de câmbio e de serviços financeiros, oferecendo, dentre outras, solução digital Global Account para realização de remessas de dinheiro entre países.

Em setembro, assinamos uma parceria com o banco ABC Brasil, visando à expansão de nossas operações no mercado de capitais através da Inter Invest.

2020

2020 foi um ano de inúmeros marcos. No primeiro semestre, fizemos a aquisição da DLM Invista, que se tornou a Inter Asset. Também lançamos a Plataforma de Proteção Inter, com oferta personalizada de seguros para todos os diferentes perfis de consumo de nossos clientes e internalizamos nosso processamento de compras no cartão Inter através da Processadora Inter.

Em julho, firmamos parcerias com grandes varejistas nacionais e realizamos o nosso primeiro Inter Day, alcançando R$30 milhões em GMV em 24h de campanha. Além disso, lançamos a Inter Wealth Management, dando mais robustez à nossa plataforma de investimentos, e renovamos a parceria com a Liberty Seguros.

Em setembro, realizamos nossa segunda oferta subsequente de ações (follow-on), captando R$ 1,2 bilhão. Com esse montante, entramos em uma nova fase de crescimento com um vasto pipeline de novos produtos.

Além disso, lançamos vários produtos no 4T20, como o Inter Travel e o CDB + limite. Por fim, em dezembro atingimos a marca de 8,5 milhões de clientes.

2019

Em junho de 2019, firmamos uma parceria com a Wiz Soluções para atuarmos na venda de seguridade.

Em julho de 2019, executamos um follow-on de capital próprio, levantando mais de R$ 1,2 bilhão em fundos para o crescimento do nosso negócio.

Finalizamos o 3T19 com mais de 3,3 milhões de correntistas em 99% do território nacional, e implementamos uma grande evolução do nosso App, que passou a oferecer um one-stop shop em um marketplace completo de produtos e serviços financeiros e não-financeiros.

Encerramos o ano com mais de 4 milhões de correntistas e uma plataforma com altos índices de recorrência e clientes ativos.

2018

No início de 2018 migramos nossos servidores para a Amazon Web Services (AWS) e nos tornamos o primeiro banco da América Latina a operar em nuvem.

Ainda no segundo trimestre do ano, fomos o primeiro banco digital a realizar uma oferta pública inicial de ações (IPO) na B3 – Bolsa, Brasil, Balcão.

Encerramos o ano com um número de correntistas digitais que ultrapassou 1,4 milhão.

2017

Em 2017 reposicionamos nossa marca, mudamos nosso nome para Banco Inter. O novo nome reflete a evolução de nosso negócio e do mercado no qual atuamos. Mais simples, curto e moderno.

Encerramos o ano com um número de correntistas digitais que ultrapassava 370 mil, número 4,6x maior que o do ano anterior.

2016

Em 2016 iniciamos nossas operações de Câmbio e incrementamos nossa Conta Digital com o lançamento do nosso aplicativo e a oferta de um cartão múltiplo da bandeira Mastercard.

Encerramos o ano com 80 mil clientes digitais, um crescimento de 599% em relação ao ano anterior.

2015

No ano de 2015 lançamos nossa Conta Digital, um marco em nossa história e responsável pela nossa entrada no varejo bancário, uma mudança em nossa estratégia.

Com o propósito de revolucionarmos o setor bancário brasileiro, fomos o primeiro banco 100% digital do país e o único a oferecer uma conta corrente digital totalmente isenta de tarifas e integrada a uma plataforma completa de serviços financeiros.

1994 a 2014

Em 1994 fomos fundados em Belo Horizonte, MG, com o título de Intermedium Financeira e pertencentes ao grupo econômico da MRV Engenharia S.A. Começamos nossas operações de Crédito Empresas em 1999 e em 2001 as operações de Crédito Consignado.

Em 2002 deixamos de fazer parte do grupo econômico da MRV Engenharia S.A.

A partir de 2007 começamos a operar no segmento de Crédito Imobiliário.

Em 2008 tivemos o primeiro marco em nossa história: nos foi concedida a licença de banco múltiplo pelo Banco Central do Brasil.

Em 2012 iniciamos a formação do Grupo Inter com a Inter Seguros. Por meio da corretora, passamos a oferecer uma ampla carteira de seguros aos nossos clientes.

No ano seguinte, em 2013, a Inter DTVM passou a compor o Grupo Inter. Nossa distribuidora foi autorizada pelo Banco Central do Brasil e credenciada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para operar em diferentes ramos e é também aderente ao Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas de Fundos de Investimento.

Ao longo de 20 anos, crescemos e alcançamos inúmeras conquistas com o nome Intermedium. Nessa trajetória, mudamos muito: de financeira para banco, de regional para nacional, de crédito para serviços múltiplos.